Queda de luz em locais de prova do Enem 2017 em Uruaçu

Sharing is caring!

COMUNICADO

Queda de luz em locais de prova do Enem 2017 em Uruaçu

Com relação à falta de energia elétrica em locais de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 em Uruaçu (GO), no último domingo, 5, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) esclarece:

1 – O município de Uruaçu (GO) ficou sem luz a partir das 14h30 do último domingo, 5. Até o horário de término das provas do Enem 2017, às 19h, o fornecimento não estava normalizado. Nenhum dos participantes que compareceu aos locais de prova afetados pela queda de energia será prejudicado por esse problema.

2 – Os locais de prova afetados em Uruaçu (GO) foram: Colégio Estadual Alfredo Nasser, Colégio Estadual Joana Darc, Colégio Estadual Polivalente Doutor Sebastião Gonçalves de Almeida, Faculdade Serra da Mesa, Faculdade Serra da Mesa – Bloco C, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG) – Campus Uruaçu – Bloco 200 e Universidade Estadual de Goiás – Unidade Universitária de Uruaçu.

3 – Os participantes presentes nesses locais de aplicação e que se sentiram prejudicados pela queda de energia poderão refazer as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; e redação na segunda aplicação do Enem, que será realizada em 12 de dezembro de 2017. Os participantes podem escolher fazer ou não fazer a nova prova. Se optarem por fazer novamente valerá a nota da reaplicação. A opção de reaplicação vale apenas para os participantes presentes. Todos receberão novo cartão de confirmação para se decidirem sobre a reaplicação em 12 de dezembro.

4 – O problema verificado na aplicação do último domingo, 5, não compromete o calendário de provas do segundo dia, neste domingo, 12. Os participantes devem comparecer normalmente aos locais de prova para o segundo dia de aplicação do Enem, com as provas de Matemática e suas tecnologias e Ciências da Natureza e suas tecnologias, neste domingo, 12 de novembro.

4 – O Inep lamenta os transtornos pontuais provocados aos participantes do Enem 2017, como a queda de energia, fatores que independem da organização do Exame. O Enem deste ano mobilizou mais de 600 mil pessoas em todo o País trabalhando para que o Exame pudesse ser aplicado aos 6,7 milhões de inscritos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *